A vida como ela é…, Nelson Rodrigues

Reler A vida como ela é… em 2016 foi esclarecedor em vários aspectos e me deixou com várias perguntas sem respostas em relação a outros. A verdade é que não sei se a edição que li agora tem exatamente o mesmo conjunto de textos da que li em 2010. Algumas das crônicas me pareceram já conhecidas, mas em se tratando de Nelson Rodrigues isso não é muita coisa já que ele tem uma temática repetitiva.

Fiquei me perguntando em que medida Nelson Rodrigues mostrou a vida como ela é ou apenas naturalizou a violência contra a mulher. Talvez as duas coisas porque estatísticas sobre assassinatos de mulheres motivados por questões de gênero é uma coisa já dos anos 2000. Não me admiraria que o escritor transpusesse para suas crônicas casos dos quais tomasse conhecimento.

Quase todos os textos dessa seleção terminam com uma mulher sendo assassinada pelo parceiro: porque ela o traiu, porque ele tinha certeza de que ela o trairia em algum momento, porque ela o abandonou por outro, etc. Uma quantidade considerável de crônicas sempre tem um homem dando uma bofetada numa mulher, ela falando sobre seu desejo de ser esbofeteada ou, ainda, dizendo que homem de verdade tem de esbofetear a mulher que ele gosta.

E tem as palavras-chave mulher séria, mulher viúva, mulher mascarada, todas querendo dizer quase a mesma coisa: uma mulher que se faz de frígida, sem desejo sexual, mas que na surdina é louca por homem. Basta insistir, chorar, ameaçar… que uma hora ela para de dizer não.

É importante frisar que a coluna de Nelson Rodrigues foi escrita entre 1950 e 1961 e todas essas construções ainda estão impregnadas no imaginário brasileiro, mas lógico que não com esses termos. Discursos se reinventam para parecer palatáveis aos nossos tempos.

Mas uma coisa é certa: os homens de hoje continuam entendendo não como “sim” ou “continue insistindo, tô só me fazendo de difícil”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s